terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Um ano de muitas aventuras e descobertas

Quando eu escrevi a mensagem de final de ano, neste mesmo dia do ano passado, eu dizia que 2012 tinha sido um ano ótimo e que eu desejava apenas que 2013 fosse uma reedição de todas as alegrias, aventuras e descobertas do ano anterior, em cenários diferentes. Dito e feito, assim transcorreu 2013, que se encerra hoje.

Começamos o ano realizando um sonho antigo: fotografar a tradicional festa de São Gonçalo, na zona rural de Petrolina. Debaixo de muito calor, muita poeira, muta música e muita comida, fizemos ótimas fotos ao longo do dia e vários de nós ainda aproveitaram para arrastar o pé em homenagem ao santo.

Depois fizemos uma série de viagens, começando com Canudos em março, depois Curaçá em abril e São José do Belmonte em maio. Canudos foi aventura pura, cheia de ruínas e na companhia do onipresente Antônio Conselheiro. Nossas pizzas entraram para a história e ainda tivemos trilhas espetaculares em locais de imensa beleza. A adrenalina ficou por conta de ônibus atolado de noite no meio do mato e longe de tudo, e princípio de incêndio em local ermo. Mas tudo foi absorvido com grande alegria e as histórias, que entraram para o nosso folclore, serão contadas ainda por muito tempo.

A viagem para Curaçá começou e terminou no mesmo dia, mas foi muitíssimo bem aproveitada: exploramos a cidade pacata com a sua bela arquitetura, fomos à Ilha da Coroa e tivemos um excelente almoço de confraternização. Participar, finalmente, da Cavalgada à Pedra do Reino, em São José do Belmonte em maio foi a realização de um outro sonho. Começamos com os ruidosos bacamarteiros no centro da cidade, fomos para a Cavalhada, conhecemos o Castelo Encantado e tivemos muita, mas muita aventura mesmo, com a famosa Cavalgada: enquanto uma pequena parte fazia um trajeto alternativo na caçamba de uma 4x4, a maior parte do grupo comeu poeira da boa e chacoalhou um bocado nas caçambas das várias pickups que acompanhavam o cortejo dos cavaleiros mata adentro. Horas depois nos encontramos na Pedra do Reino, mas a aparência dos companheiros recém-chegados era absolutamente assustadora. A compensação, é claro, veio na forma de ótimas fotos.

O primeiro semestre terminou, em junho, com um grupo grupo que decidiu se arriscar e fotografar uma festa tradicional, o Forró da Espora, em local diferente do usual. Como tudo para nós é sempre pretexto para boas fotos e muita diversão, dessa vez também não foi diferente.

O segundo semestre exigiu muita disposição e energia para conhecer locais próximos e de grande relevância para o nosso projeto. Colocamos o pé na estrada e não tiramos mais! Em agosto passamos um final de semana em Belém de São Francisco e Floresta, onde fomos à feira, apreciamos a arquitetura histórica e até no cemitério nos enfiamos. Setembro foi a vez de conhecer a Rota das Missões em Orocó. Lá navegamos com muita emoção entre as corredeiras e as pedras do rio, aportamos nas ilhas e conhecemos as ruínas desse período histórico. Escalamos o morro do mirante, uma verdadeira conquista para vários do nosso grupo, e ainda tivemos a companhia do prefeito, que nos levou para conhecer as obras da transposição e gentilmente nos levou para almoçar.

Outubro foi o mês da Serenata da Recordação em Santa Maria da Boa Vista, uma linda e romântica festa que conta com a participação da cidade inteira na beira do rio. Fonte de inspiração para as nossas lentes, nos sentimos privilegiados ao fotografar acompanhados da melhor música, executado por músicos de grande competência em ambiente de poesia pura. Foi uma jornada puxada, com a duração de uma noite e uma madrugada, mas que noite e que madrugada!

Depois de tanta movimentação, quem diria que ainda haveria fôlego para uma esticada até Paulo Afonso? Pois foi exatamente isso que aconteceu, e não faltou energia nem mesmo para escalar as trilhas, as tocas e os buracos da Serra do Umbuzeiro. Mas nem tudo foi dureza: tivemos as visitas nas usinas hidroelétricas, banho nas águas geladas do canyon do São Francisco e até jazz na praça central da cidade!

Para terminar o ano, mais uma empreitada ousada, dessa vez um acampamento (como já é tradicional nessa época do ano) no Morro da Bandeira, em Casanova. Com muita preparação e muita logística, um grupo pré-jornada precisou fazer até uma incursão prévia para localizar o barqueiro e inspecionar as condições do local. Mas o resultado foi fantástico e pudemos conhecer um local de imensa beleza, totalmente isolado do contato humano, durante um final de semana.

A jornada de 2013 foi longa, mas ao mesmo tempo parece que transcorreu em segundos. Sou capaz de fechar os olhos e me ver de novo em cada um desses locais, revivendo cada uma das sensações e emoções, rodeado pelos amigos novos e antigos, em cada situação.

Foi um ano maravilhoso, com uma importante produção visual. Mas, em se tratado de Jornadas Fotográficas, todos sabem que não ficamos apenas por aí. Conhecemos e usufruimos da companhia da querida Cristina Cenciarelli, que deixou saudades em todos por aqui. Fizemos duas exposições, primeiramente a exposição "Sertão e Qualidade de Vida" no I Encontro Nordestino de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde", na UNIVASF Juazeiro, e depois a exposição comemorativa do nosso terceiro aniversário "Importa pra você?" na UNIVASf Petrolina, no SESC, na Galeria Eco Center e também no aeroporto. Conseguimos patrocínios importantes e com eles pudemos finalmente construir os nossos próprios expositores. Tivemos depoimentos escritos muito legais dos jornadeiros José Carlos, Suzana Leal, Joana Pereira, Júnnia, Ana Beatriz e Luciana Cajado, os quais geraram grande repercussão. Claro que também tivemos as nossas festas! A de terceiro aniversário, na sede da Sociedade 21 de Setembro, colocou o brega em evidência e transformou os jornadeiros em personagens hilários e quase irreconhecíveis. Depois, em dezembro, foi a vez do nosso tradicional amigo secreto, dessa vez na casa da jornadeira Tereza Roberta. De quebra, ainda fomos notícia de uma matéria sobre festas de final de ano no Jornal do Commercio.

Infelizmente perdemos o nosso amigo e "gerente da filial em Salvador", mas até nesse momento o grupo se mostrou solidário, se amparou e prestou a sua homenagem ao querido Cuca. Que ele esteja bem e zelando por nós lá de cima.

Só posso terminar dizendo "muito obrigado" a todos os membros dessa grande família, que não pára de crescer e de se renovar. Obrigado por prestigiarem o projeto, obrigado pela amizade e pelo apoio irrestrito, obrigado por trazer emoção, alegria e beleza para cada segundo de convivência mútua. Obrigado por fazer com que o nome "Jornadas Fotográficas" tenha se tornado sinônimo de amizade, solidariedade, diversão, aventura, descoberta e, acima de tudo, fotografia voltada para a valorização do nosso patrimônio histórico e cultural. Foi uma imensa satisfação compartilhar todos esses momentos, destinos e projetos com vocês. Espero que em 2014 a dose retorne com a mesma força. Um ótimo 2014 para todos nós!!

4 comentários:

  1. te.ca.castro@hotmail.com31 de dezembro de 2013 09:59

    Maravilhoso! Sem palavras pelas belissimas palavras! Que venha 2014.

    ResponderExcluir
  2. Belas palavras caro amigo! Uma síntese valiosa das grandes emoções vividas por nós Jornadeiros em 2013. E como é gratificante perceber o grupo cada vez mais fortificado. Só tenho a agradecer por fazer parte dessa família. Obrigado! Feliz 2014!!!

    ResponderExcluir
  3. Deliciosa essa retrospectiva, assim como todos os nossos momentos em 2013. É realmente maravilhoso que encerremos mais um ano com o grupo ainda mais unido e completo, com a valiosa entrada de membros que se adaptaram ao espírito jornadeiro, somando ainda mais. Um lindo 2014 a todos nós, com muita luz, cor, alegria, saúde e aventura. Abraço apertado em cada um.

    ResponderExcluir
  4. Obrigada Marcus pelo relato que traduz tão bem o ano cheio de emoções e crescimento. Que em 2014 tenhamos um ano de boas vibrações, como diz a Rosana e traga muitos motivos para comemorações e confraternizações, encha os nossos corações de esperanças e que descubramos novos horizontes com alegria, saúde e paz.

    ResponderExcluir